11 de julho de 2010

Mercedes-Benz SLS AMG E-Cell

.
.
Chamado de SLS AMG E-Cell, o modelo possui quatro motores elétricos (um em cada roda) que, juntos, entregam 526 cavalos de potência e 89,7 kgfm de torque. Já a atual versão do esportivo é movida por um 6.2 V8 gasolina que gera 571 cv e 66,3 kgfm de força.
.
A fonte de energia para tamanho rendimento é proveniente de um conjunto de baterias de íons de lítio com 400V. O componente, que conta com sistema de arrefecimento a água, fica posicionado no assoalho do veículo para manter o centro de gravidade baixo e é parcialmente recarregado toda vez que os freios são acionados por meio da função regenerativa.
.
O SLS elétrico acelera aos 100 km/h em 4s0 e, de acordo com a marca, a adaptação do novo sistema de propulsão não necessitou de nenhuma alteração estrutural. A marca não divulga, entretanto, valores de autonomia ou tempo de recarga.
.
Em comparação a um SLS “normal”, o E-Cell recebeu novo painel de instrumentos, que revela informações sobre o funcionamento e a carga do sistema elétrico, console central com tela touchscreen para controlar comandos do rádio e ar-condicionado, espelhos na cor preta, entradas de ar maiores, volante e revestimento dos bancos em Alcântara. A Mercedes-Benz ainda não possui previsão de quando o modelo entrará em produção em larga escala.
.
Um abraço, Fernando A. De Gennaro.
.

Bugatti Veyron Super Sport 2011

.Versão Super Sport
.
Quando foi lançado o Bugatti Veyron praticamente refez o conceito de carro esportivo, com seu motor único de mais de 1000 cv, e velocidade superior aos 400 km/h, ele trouxe a tradicional marca Bugatti de volta a vida, isto em 2003. Porém o tempo passou e o Veyron tinha que evoluir. Neste domingo 4 de julho foi revelado ao mundo, Veyron Super Sport, ele traz algumas mudanças na aerodinâmica, e o retrabalhado W16, que agora é capaz de desenvolver 1,200 CV de potência e torque de 150 kgfm.

A velocidade máxima “padrão” é de 415 km/h. O Veyron Super Sport, só não passa dos 415 quilômetros por uma questão de segurança, os pneus que ainda não estão projetados para passar dos 400 km/h.

No sábado (3 de julho), o modelo atingiu no campo de provas da Volkswagen em Ehra-Lessien na Alemanha, a impressionante velocidade máxima comprovada de 434.211 km/h, com isso o modelo pilotado por Pierre Henri Raphanel (piloto oficial da Bugatti) entrou para o Guiness Book como o carro de produção mais rápido do mundo.

A expectativa do engenheiros da marca era de se alcançar no máximo a marca dos 425 km/h, mas como as condições do clima e do vento no dia do testes estavam perfeitas, ele puderam ir além, explicou o Dr. Wolfgang Schreiber, engenheiro chefe da Bugatti.


Para um superesportivo capaz de passar dos 400 km/h, o Bugatti Super Sport é um carro muito confortável. Destaque para os bancos esportivos acolchoados, que são semelhante ao utilizados em sedans de luxo e para o câmbio de sete velocidades com dupla embreagem, que permite as trocas de marchas em milésimos de segundo.

Essa é uma versão mais potente e rápido do Bugatti Veyron 16.4 lançado em 2005 e que conta com “apenas” 1,001 cavalos. Além de ter recebido um upgrade no motor 8.0 litros W16 (16 cilindros em “W”), que recebeu quatro turbo compressores e intercooolers maiores, o superesportivo também ganhou uma série de modificações menores. Outro destaque é a carroceria que é toda feita em fibra de carbono e agora incorpora novos elementos mais aerodinâmicos como o spoiler dianteiro que deixou o carro mais colado ao chão.
.
Um abraço, Fernando A. De Gennaro.
.

Direto dos EUA com Marcos "Tenere"

.

Marcos "Tenere"

­­Nosso amigo Marcos "Tenere" esteve visitando o parque de diversão "Six Flags Great Adventure" em Jackson, no estado americano de Nova Jersey, onde tudo é maior, mais rápido e melhor.
Ele é considerado o maior parque de diversões dos Estados Unidos, cobre uma área de 9 km2 e tem mais de 200 atrações, incluindo algumas das montanhas-russas mais rápidas do mundo. Ele engloba dois outros parques: o Wild Safari, o maior parque safári fora da África, e o Hurricane Harbor, um dos maiores parques aquáticos do mundo.

Enquanto você roda pelos mais de 7 km do Wild Safari, você se depara com zebras, macacos, girafas, hipopótamos e muitos outros animais. E o que é melhor, tudo no conforto e na segurança de seu carro. O Hurricane Harbor tem todas as clássicas atrações de um parque aquático: rafting, diversos tipos de toboáguas, piscinas com ondas e o delicioso "lazy river".


Um abraço, Fernando A. De Gennaro e Marcos "Tenere"

.

Vídeo da montanha-russa